terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Dê SUA VIRADA de Ano 2010



Olá companheiros e amigos,

Estou de malas prontas para viajar e me lembrei que poderia dar uma mensagem a todos os meus amigos antes do final da virada do ano.
Este ano que passou foi de muitas atividades para todos nós.
Muitos acontecimentos e muitas realizações. Realizações estas que foram muito boas, excelentes e muitas que nos decepcionaram.
Tivemos muitos trabalhos positivos e muitos que resultaram em profundas derrotas... Assim é a vida, estamos sempre aprendendo, e jamais ficaremos sem aprender um dia sequer.
Estaremos sempre colhendo os frutos daquilo que plantamos. Esta é a Lei Universal.

Muito daquilo que pretendíamos que acontecesse, infelizmente não foi possível, e por quê?

Será que não estávamos por dentro da real situação que enfretávamos ou será que foi por causa das outras pessoas que não se interessaram por nossos motivos e trabalhos desempenhados?

Ou porque a hora de acontecer não estava madura para realizar na terceira dimensão?

Pois bem, são tantas as perguntas que fazemos para saber o resultado dos empreendimentos que investimos ao longo do ano.

Todas as afirmações acima são verdadeiras, mas o mais importante para entendermos este processo de realização de nossos pensamentos é o seguinte: Estamos todos interligados nesta malha cósmica de pensamentos - desejos - vontades de todas as pessoas.

O que vibramos para nós e para as outras pessoas reflete no mundo etéreo acionando vários portais que se interconectam com os mundos de pensamentos de outras pessoas também.

É o que chamamos de sintonia vibratória.

Esta sintonia de pensamentos quando é cruzada com alguém que vibra na mesma frequência faz do pensamento uma energia muito maior do que o seu pensamento.

Por isso é que quando vamos fazer um pedido no final do ano e fazemos como esta foto ao lado, despimo nos de tudo e de todos os pensamentos que nos trouxeram decepções e lavamos a nossa alma.

Mas esquecemos de algo muito importante. Devemos lavar a alma, fazer os pedidos daquilo que realmente queremos que se realizem todos os dias e não só no final do ano!

Vocês podem me perguntar se deveremos ter uma praia particular, para lavarmos nossas almas e purificar nossos pensamentos e enviar novas ideias todos os dias.



E eu digo que sim...


Devemos ter nossa praia particular sim, onde ninguém, nem os mais queridos companheiros de evolução que nos acompanham, possam adentrar neste mundo que é só nosso.


Este mundo está na 4ª dimensão e também na 5ª dimensão onde são formulados , fabricados e dimensionados nossos pensamentos, nossos desejos para depois se materializar na terceira dimensão da vontade de realização dos nossos pedidos.

Ah! e tomem cuidado com os nossos pensamentos que podem e são realizados conforme nossos projetos mentais.

Esta praia então, deve ser antes purificada, limpa e desimpedida de interferências externas, onde devemos vivenciar neste local imaginário de nossas lembranças, quando estamos totalmente Equilibrados e na Paz Interior.

Sem este requisito nossos pensamentos serão processados com manchas cinzas e depois, o resultado já sabem como será o final da história: nos decepcionamos com o resultado de nossas ações.

Devemos ter metas em tudo na vida sim. Além destas metas, devemos projetar várias ações que possibilitem que nosso projeto seja realizado.

Sem isso ficaremos à mercê da ocorrência da sorte quando estiver disponível para todos nós. E também sabemos que sorte e azar não existem. Só loteria é que dá a sorte, mas tem uma coisa que temos de fazer primeiro nesta ação: é comprar o bilhete premiado! E só.

O resto é trabalho, trabalho e mais trabalho... a vida não vai sorrir para você se não fizer a sua parte neste mundo de terceira dimensão.

Simplesmente viver, você pode fazer, mas terá um resultado tão medíocre que quando terminar sua vida, você estará seriamente arrependido de tudo que não fez e deixou para tráz.

É isso que você quer de sua vida? Nada? Não buscar sua realização mais interior possível? Bem, não quero continuar a dar conselhos a ninguém nesta última mensagem de final de ano que poderá ser a primeira do próximo ano de 2010.

Muitos de voces estarão abrindo este e mail em janeiro e aí já passou o instante mágico da virada do ano.
Este instante mágico é o seu momento em que sente que tudo vai mudar e que todas as suas esperanças de um mundo novo com muitas realizações acertadas possam vingar neste ano que se inicia.

Esta energia você deverá colocá-la nos seus desejos e enviar para o mundo imaginário, pensando em sua praia onde as ondas do mar possam levar o seu pedido à um porto seguro, a um acontecimento esperado e tirá-lo desta situação que enfrenta hoje.
Então vamos fazer isto amigos e companheiros do meu Blog.

Estou muito feliz e me sinto realizado. Confesso a todos que um pedido meu feito no ano passado foi realizado a contento e continua crescendo cada vez mais.

Vou contar o que pedi o ano passado num pedido além dos muitos que pedi, é claro. Pedi a divulgação de minhas teorias e idéias e respeito do mundo que vivemos.

Pedi que pudesse ter forças para falar intensamente a todos que me encontrasse sobre o momento atual de nossas atividades.

Esta fase de Transição Planetária que estamos vivenciando e o que devemos fazer para acompanhar a aceleração do Planeta nestes tempos de muitas reflexões.

E assim foi consumado, ao longo deste ano inteiro realizei aquilo que havia pedido.

E as coisas foram muito bem executadas e acredito que pude dar o meu recado como irmão dimensional e cristão que sou.

Montei este Blog, onde pudesse ter a minha cara. Escrevi e escrevo como nunca antes.

Coloquei e coloco ali tudo que penso a respeito de Evolução Mental, Espiritualidade, Metafísica, Astronomia, Ufologia e Medicina da Habitação, Atualidades, Notícias e Reportagens.

O resultado disso tudo para mim é o retorno do pessoal que está entrando em meu Blog, lendo aquilo de seu interesse e as vezes colocando opiniões suas a respeito dos temas analisados.

É isso que me faz feliz, a interação do ser com outros seres de sua sintonia vibratória.

Estou finalizando um ciclo este ano com apenas dez meses de sua inauguração com cerca de 21.000 visitantes em meu Blog!

É bárbaro pensar que está sendo pesquisado e tem vida própria agora a minha página.

E sinto que tenho uma obrigação agora com a humanidade, que é a da informação do pensamento sobre a nossa Evolução Mental.

Também pedi para que pudesse falar para pessoas o que tenho a dizer sobre nossa evolução e o que aguarda nestes últimos e derradeiros finais dos tempos.

Ao longo dos doze meses fiz inúmeras palestras em entidades espíritas, espaços espiritualistas, Centros de Convenções, salas de aulas, casas de amigos, e também ao longo de todo o ano ministrei cursos de Evolução Mental, Treinamento de Campo sobre nossas aptidões adormecidas interiormente e Curso sobre a Santíssima Trindade: As linhas do Tempo. E assim foi feito.

É claro que poderia ser melhor executado, mais trabalhado e mais divulgado, mas o importante é que realizei algo que não existia e coloquei na mente destas mais de 21.000 pessoas, uma visão do mundo vista pela minha janela.

Aos participantes, alunos, frequentadores dos centros espíritas, esotéricos e radios ao longo de minha existência para mais de 10.000 pessoas digo que este assunto foi e está sendo realizado.

E agradeço a todos por fazerem parte de minha vida.

Então meus caros amigos, vamos por em prática o que aprendemos ao longo deste ano para que 2010 seja um mundo novo com muitas oportunidades para absorvermos e tirarmos o máximo do proveito daquilo que queremos. Desejo a todos que 2010, que somado dá o nº 3, trino, da criação, Do Pai, do Filho e do Espírito Santo, do Pensamento - Desejo - Vontade, seja realmente um divisor de águas.

O que foi já passou e é passado e o que está acontecendo é o presente e receba de Presente tudo o que estará por acontecer em sua vida.

Alias sua vida é um espetáculo iluminado onde você é o autor e o protagonista de sua vida.

Viva a Vida! Viva o Amor !

Viva esta Dádiva Divina que é excelência do Amor de DEUS.


E Atenção , prepare-se,


O Show do seu espetáculo vai começar...


Dê seu recado!!!!


FELIZ 2010!!!!!


Que a Paz Interior Possa Estar em Seus Corações




Mário Caraça
professor - engenheiro - terapeuta holístico
Profissional da área da Medicina da Habitação


Procure, investigue e faça uma consulta.
Você estará sabendo um pouco mais a seu respeito.

http://evoluomental.blogspot.com/2009/09/medicina-da-habitacao-o-tratamento-do.html

http://evoluomental.blogspot.com/2009/03/medicina-da-habitacao-casos-de.html

Telefones para contato : (11) 5183-4764 / (11) 9385-2553

O Verdadeiro Significado do Natal

Companheiros Dimensionais Despertos

A mensagem abaixo está no Site Pegasus (Pagina Interações IX). Nela devemos nos espelhar, para que na sua freqüência/energia possamos vibrar - possamos vivenciá-la e irradiá-la pela verdade eterna que nos traz.

Antônio Carlos Tanure

"Natal"


A palavra natal vem do latim natale e como escreve o Dicionário Aurélio, é relativa ao nascimento.

Entretanto, quando mencionamos "Natal", estamos mencionando a data em que comemoramos o nascimento daquele que para Ele foi dado o nome terreno de Jesus, que muitos outros indivíduos de sua época também o possuíam, mas, que não eram o Cristo, denominação que Lhe foi dada posteriormente, que O identificou em Sua Missão Divina e Única na Terra.

Portanto, "Natal" é a comemoração do nascimento de uma criança humana chamada Jesus acontecido há dois mil anos, que só é lembrada todo o ano por causa da Presença Viva e Eterna de Cristo, nos convidando a renascer a todos os instantes através da expansão/iluminação da nossa consciência.

Mas, para nós dimensionais o verdadeiro sentido do Natal é antes de tudo para não esquecermos que se nascemos ou nos exteriorizamos no espaço-tempo, foi para que pudéssemos todos os instantes renascer e, finalmente, transcendermos ao nível do tempo – das Linhas do Tempo – exercitando- nos com a Alquimia do Pensamento iluminada pela Energia do Amor Uno, a Energia Divina da Manifestação.

Então, que Jesus como o nosso Referencial de Luz no Cristo "Ressuscitado" /Transmutado sinalize o nosso caminho da Transmutação.


Texto escrito pelo nosso colega Antonio Carlos Tanure - Projeto Portal

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Olha o Trem para 2010 !

NOVO ANO Esta Chegando e Com Ele Uma NOVA VIAGEM.

Se Não Puder Ser o Maquinista, Seja o Seu Mais DIVERTIDO Passageiro.


Procure Um Lugar Próximo à Janela DESFRUTE Cada Uma das PAISAGENS que o TEMPO lhe Oferecer, Com o PRAZER de Quem Realiza a Primeira Viagem.

NAO SE ASSUSTE Com os Abismos, Nem Com as Curvas que Não lhe Deixam Ver os CAMINHOS que Estão POR VIR. Procure CURTIR a Viagem da VIDA, OBSERVANDO Cada Arbusto, Cada Riacho, Beirais de Estrada e Tons Mutantes de Paisagem.

Desdobre o Mapa e PLANEJE Roteiros.

PRESTE Atenção em Cada Ponto de Parada, e FIQUE ATENTO ao Apito da Partida.

E QUANDO DECIDIR Descer na Estação Onde a Esperança lhe Acenou NAO HESITE.

DESEMBARQUE Nela os Seus Sonhos... DESEJO Que a SUA VIAGEM Pelos Dias de 2010
Seja de : PRIMEIRA CLASSE

Texto escrito pela colega e amiga Elisabeth Licata
Seus Blogs:
http://licataastrocarmica.blogspot.com/
http://elisabethlicata.pookeo.com/


E cante com Raul Seixas

Veja o vídeo no Youtube:

http://www.youtube.com/watch?v=JTaim6jUio8

Clipe do Michael Jackon censurado nos EUA

CLIP CENSURADO NOS EUA - MICKAEL JACKSON !!

Olha, É impressionante como a imprensa não divulga o que é realmente relevante para formar a opinião da sociedade...Quantas vezes você já viu este videoclipe do Michael Jackson na TV?

Sinceramente, concluí que se ele fez uma obra prima antes de morrer, está neste clipe.EARTH SONG by MICHAEL JACKSON (CENSURADO NOS EUA)

O vídeo é do single de maior sucesso de Michael Jackson no Reino Unido, que não foi nem "Billie Jean", nem "Beat it", e sim a ecológica "Earth Song", de 1996."Earth Song" nunca foi lançada como single nos Estados Unidos, historicamente o maior poluidor do planeta.

Por isso a maioriade nós nunca teve acesso ao clip.

Veja, então, o que os americanos nunca mostraram de Michael Jackson.

Filmado na Africa, Amazonia, Croácia e New York. Emocionante!

Veja no link abaixo: SEGUE O SITE COM A MÚSICA




Vejam a letra da música Canção da Terra cantado neste clipe por Michael Jackson:


Canção da Terra

O que aconteceu com o nascer do sol?
O que aconteceu com a chuva?
O que aconteceu com todas as coisas,
Que você disse que iríamos ganhar?
O que aconteceu com os campos de extermínio?
Essa é a hora.
O que aconteceu com todas as coisas,
Que você disse que eram nossas?
Você já parou para pensar em
Todo o sangue derramado antes de nós?
Você já parou para pensar que
A Terra e os mares estão chorando?


Aaaaaaaaah Oooooooooh
Aaaaaaaaah Oooooooooh


O que fizemos para o mundo?
Olhe o que fizemos.
O que aconteceu com toda a paz?
Que você prometeu a seu único filho?
O que aconteceu com os campos floridos?
Essa é a hora.
O que aconteceu com todos os sonhos
Que você disse serem nossos?
Você já parou pra pensar,
Sobre todas as crianças mortas pela a guerra?
Você já parou para pensar que
A Terra e os mares estão chorando?


Aaaaaaaaah Oooooooooh
Aaaaaaaaah Oooooooooh


Eu costumava sonhar
Costumava viajar além das estrelas
Agora já não sei onde estamos
Embora saiba que fomos muitos longe


Aaaaaaaaah Oooooooooh
Aaaaaaaaah Oooooooooh


Aaaaaaaaah Oooooooooh
Aaaaaaaaah Oooooooooh


O que aconteceu com o passado?
(O que aconteceu conosco?)
O que aconteceu com os mares?
(O que aconteceu conosco?)
O céu está caindo
(O que aconteceu conosco?)
Não consigo nem respirar
(O que aconteceu conosco?)
E a apatia?
(O que aconteceu conosco?)
Eu preciso de você.
(O que aconteceu conosco?)
E o valor da natureza?
(ooo, ooo)
É o ventre do nosso planeta.
(O que aconteceu conosco?)
E os animais?
(O que aconteceu conosco?)
Fizemos de reinados, poeira.
(O que aconteceu conosco?)
E os elefantes?
(O que aconteceu conosco?)
Perdemos a confiança deles?
(O que aconteceu conosco?)
E as baleias chorando?
(O que aconteceu conosco?)
Estamos destruindo os mares
(O que aconteceu conosco?)
E as florestas?
(ooo, ooo)
Queimadas, apesar dos apelos
(O que aconteceu conosco?)
E a terra prometida?
(O que aconteceu conosco?)
Dilacerada pela ganância
(O que aconteceu conosco?)
E o homem comum?
(O que aconteceu conosco?)
Não podemos libertá-lo?
(O que aconteceu conosco?)
E as crianças morrendo?
(O que aconteceu conosco?)
Não consegue ouvi-las chorar?
(O que aconteceu conosco?)
O que fizemos de errado?
(ooo, ooo)
Alguém me fale o porquê
(O que aconteceu conosco?)
E os bebês?
(O que aconteceu conosco?)
E os dias?
(O que aconteceu conosco?)
E toda a alegria?
(O que aconteceu conosco?)
E o homem?
(O que aconteceu conosco?)
O homem chorando?
(O que aconteceu conosco?)
E Abraão?
(O que aconteceu conosco?)
E a morte de novo?
(ooo, ooo)
A gente se importa?


Aaaaaaaaah Oooooooooh
Aaaaaaaaah Oooooooooh


E nós o que podemos fazer para ajudar o planeta não ser destruído?

A primeira decisão é ter esperança!
Não perca a esperança nunca. O único ser que não possui a esperança é Deus.
Deus não perde por esperar nunca, pois ELE já sabe de tudo, já conhece nossos erros e defeitos e sabe quando iremos fazer nossa caminhada de volta a ELE. Por isso ELE não tem esperança, ELE sabe de tudo.


Oração da Esperança

Que jamais, em tempo algum, o teu coração acalante ódio.
Que o canto da maturidade jamais asfixie a tua criança interior.
Que o teu sorriso seja sempre verdadeiro.
Que as perdas do teu caminho sejam sempre encaradas como lições de vida.
Que a música seja tua companheira de momentos secretos contigo mesmo.
Que os teus momentos de amor contenham a magia de tua alma eterna em cada beijo.
Que os teus olhos sejam dois sóis olhando a luz da vida em cada amanhecer.
Que cada dia seja um novo recomeço, onde tua alma dance na luz.
Que em cada passo teu fiquem marcas luminosas de tua passagem em cada coração.
Que em cada amigo o teu coração faça festa, que celebre o canto da amizade profunda que liga as almas afins.
Que em teus momentos de solidão e cansaço, esteja sempre presente em teu coração a lembrança de que tudo passa e se transforma, quando a alma é grande e generosa.
Que o teu coração voe contente nas asas da espiritualidade consciente,para que tu percebas a ternura invisível, tocando o centro do teu ser eterno.
Que um suave acalanto te acompanhe, na terra ou no espaço, e por onde quer que o imanente invisível leve o teu viver.
Que o teu coração sinta a presença secreta do inefável!
Que os teus pensamentos e os teus amores, o teu viver e a tua passagempela vida, sejam sempre abençoados por aquele amor que ama sem nome.Aquele amor que não se explica, só se sente.
Que esse amor seja o teu acalanto secreto, viajando eternamente no centro do teu ser.
Que este amor transforme os teus dramas em luz, a tua tristeza em celebração, e os teus passos cansados em alegres passos de dançarenovadora.
Que jamais, em tempo algum, tu esqueças da Presença que está em ti eem todos os seres.
Que o teu viver seja pleno de Paz e Luz.

Desejo a todos que a esperança possa estar sempre em nossos corações também nos orientando os caminhos a percorrer.

Que a Paz Interior possa estar no coração de Todos Nós.

Mário Caraça

Texto do michael Jackon escrito por Francisco Hortiz
Oração da Esperança enviada pela nossa amiga Elisabeth Licata

Um Conto de Natal: Olhai as aves do céu

Um Conto de Natal: “Olhai as aves do céu”


É Natal... Que bonito!!! Todas as famílias reunidas nesta confraternização Universal em torno do nosso grande Mestre Jesus!
É nesta hora sublime que ficamos com os corações moles, queremos de alguma forma, como se fosse o último minuto de nossas vidas, resgatar todo o tempo perdido, aquele caso imperdoável, doloroso, triste, queremos a todo custo, solucionado. Ah! Se pudéssemos resolvê-los simplesmente com a nossa vontade e libertar todos estes quadros que nos prendem em nossas vidas há vários séculos...
Adormecidos que estamos na estrada de nossas vidas, o nosso subconsciente vai registrando tudo que acontece, todos os nossos atos, ações, realizações, vida após vida, boas e más. E nossa sabedoria sai do nosso conhecimento que vem através das sucessivas experiências passadas, nos tornam homens ou mulheres cada vez mais próximos a Deus.
Jesus em sua vinda junto de nós, sempre mostrou por parábolas a maneira simples de viver em Paz, Harmonia e Equilíbrio, vivendo em eterno amor com nosso PAI, nosso Criador.
Hoje, como em todos os natais que reunimos, estão presentes sempre aqueles que temos maior afinidade espiritual. Sejam encarnados nós (pai, filhos, marido, esposa, tios, primos e amigos), ou àqueles que já se encontram na pátria espiritual.
Neste dia de Graça, sabemos que são permitidas visitas aos lares dos parentes, aquelas entidades que nos foram muito caras, quando estávamos juntos. Cada um de nós vai se lembrar agora de seus parentes que já se foram e convidá-los a estar aqui ao nosso lado, pedindo permissão ao nosso Pai, para desfrutarmos junto a esta Ceia de Natal. E como num passe de mágica eles estivessem aqui neste momento, vamos sentindo esta sensação agradável de todos nós, nos ligarmos um ao outro pelos laços do AMOR.
Pois bem, preparem bem o coração e sintam que hoje é dia Graça!!!
Todos estão aqui, nossos pedidos foram aceitos, os nossos pensamentos fraternos fazem ligar ainda mais pelos laços consangüíneos.
Fiquem alegres, pois hoje é dia de festa! É NATAL. E JESUS quer que o espírito do Natal permaneça desta forma em todos os outros dias do ano!
Eu me lembro de uma história de Natal, muito bonita, que foi passada por inspiração. Vocês conhecem a história de Pedro Bonachão? Não?
Pois bem, vamos contar:


“Era uma vez um rapaz jovem talentoso, com muitos sonhos de vencer na vida, quis se aventurar saindo cedo de sua casa em busca de novas idéias, trabalhos e esperanças. A sua família muito simples e humilde não lhe dava créditos, dizendo que pobre jamais seria rico, mas Pedro sendo impulsionado pelo seu desejo saiu para aventura.
Passado muitos anos, cerca de 30 anos, talvez, Pedro já na idade madura, vendo que seus pais tinham razão, não conseguiu nada além de seu sustento na vida. Trocava seu trabalho por um prato de comida. Fazia qualquer coisa para agradar as crianças, distribuía balas e com isso ficou conhecido por Pedro Bonachão.
Um belo dia resolveu voltar para sua cidade natal, reviver sua família, seus pais e irmãos que havia deixado. E chegando a sua rua, foi até o local de sua casa e com grande espanto a viu completamente em ruínas. Muito triste e desolado perguntou aos vizinhos o que havia acontecido lá e à sua família. Os vizinhos mal responderam, pois lhes disseram que sua mãe e suas duas irmãs tinham morrido da peste que assolou aquela casa e o povo com medo maior incendiou toda a casa para acabar com a doença. O seu pai e seu irmão, em vista do ocorrido e da desgraça ter caído sobre sua casa, tiveram de sair da cidade, pois o povo não os aceitava mais. E assim Pedro, o Bonachão, em busca de sua família, se viu só no mundo, desolado e muito triste não sabendo mais o que fazer...

O tempo passou naquela Aldeia, e Pedro mal podia viver com aquela dor e carga de vida que mudara tanto sua vida. Vivia de rua em rua, se alimentando de vez em quando, até que encontrou alguém que pudesse repartir suas horas de aflição e permanecer em sua companhia: Um cachorro de rua!
Muito brincalhão, o cachorro gostou de seu novo dono permanecendo junto de si.
E o tempo passou... Ele já estava velho, cabelos e barbas brancas e seu cachorro Peludo, que era seu nome, bem velho, os dois perambulavam pelas ruas da aldeia, com muitas histórias para contar para as crianças, entretendo-as nas praças a custo de alguns trocados.
Era inverno, o natal se aproximava. Todas as pessoas se preocupavam em preparar o ambiente doméstico e decorar suas frentes e árvores com motivos natalícios. A corrida aos centros de comércio também se faziam para abastecerem de comida para a ceia de natal. E o frio chegara...
A neve caía como flocos de algodão, a branquear toda estação de inverno. O vento soprava como cânticos nas árvores anunciando o natal que se chegara e estas todas revestidas em flocos de neve, esbranquiçadas, perdiam suas folhas mudando o cenário de magnífico esplendor.
As ruas só existiam nas demarcações das carroças e charretes, e passagens de pessoas nas calçadas. O ambiente era festivo, e o ar cheirava comida nesta época. O porco do mato assado à pururuca, e o javali eram os pratos preferidos. E Pedro Bonachão e seu cachorro Peludo perambulando pelas ruas da aldeia, quando deparou frente à loja de presentes, um senhor parecido cone na outra sigo. Velho de barbas brancas e compridas e cabelos longos, roupas em vermelho cintilante e com um grande sino na mão para chamar os transeuntes a entrarem em sua loja, e na outra mão carregava um saco grande repleto de presentes. Aí Pedro se lembrou do Papai Noel que vinha em noites de natal a distribuir presentes a toda criançada da cidade. Há que bom que seria! Pensava consigo mesmo. Lembrou de sua semelhança com Papai Noel da loja, fez até um pedido a Papai do Céu, o nosso Deus, que gostaria de ser o Papai Noel de verdade distribuindo presente a toda garotada como fazia com a distribuição de balas na praça.
Na véspera do Natal, estava muito frio e diziam que seria o dia de frio mais intenso do ano. As pessoas tão ocupadas que estavam não ficavam nas ruas, nevava intensamente...

E Pedro Bonachão e Peludo entraram num templo para se aquecerem e sentou-se um pouco para descansar.
E naquele instante pode ouvir um pastor que dizia aos fiéis as palavras de Jesus, dizendo:
“Não queirais entesourar para vós os tesouros da terra, onde a ferrugem e a traça consomem, e onde os ladrões os desenterram e roubam. Mas entesourais para vós os tesouros do céu, onde não consomem a ferrugem nem a traça. E onde os ladrões não os desenterram, nem roubam. Porque onde está o teu tesouro, aí está também teu coração. Olhai as aves do céu, que não semeiam nem segam, nem fazem proventos para seus celeiros e, contudo vosso PAI celestial as sustenta. Buscai primeiramente o Reino de Deus e a sua justiça, e todas as outras coisas se vos acrescentarão. E assim não andarão inquietos pelo dia de amanhã. Porque o dia de amanhã trará seu cuidado; ao dia basta a sua própria aflição” (Mateus VI : 19-21, 25-34).
E Pedro escutando aquelas palavras, notou que eram para si, falava de sua vida, pois naquele momento não possuía nada além de seu cachorro Peludo, algumas balas em seu bolso e muitas histórias para contar.
Saiu do templo feliz em ter encontrado a Paz que necessitava, pois tinha a certeza de que Jesus não o haveria de desampará-lo naquela noite de Natal muito fria (e Jesus não o abandonou).
Passeou pelas ruas, tentou conversar com as pessoas, mas tudo em vão.
Todos os pedestres estavam muito ocupados, se dirigindo para suas casas.
Já anoitecendo, a lareira aquecida, árvores de natal repleta de decorações e presentes à sua volta, pessoas se divertindo, bebendo e Pedro Bonachão e Peludo a verem pelas janelas das casas todo o carinho, o conforto que acomodavam aquelas famílias. Pedro desejou muitas felicidades a todos, lembrando de seus familiares que não tiveram a mesma sorte e rogou uma prece a eles. Sentado à beira de um banco de jardim na praça, se encostando com Peludo para se aquecerem. A neve caía intensamente sobre eles e Pedro sentiu-se mal após formular a prece, perdendo os sentidos naquele momento. Seu cachorro ao vê-lo quase desfalecido, quis como último recurso lamber-lhe o rosto na tentativa de reanimá-lo, mas suas forças também já tinham se esgotado a assim, também lançando um olhar fraterno de amizade ao seu dono que o acompanhou por toda sua existência e despediu quieto do mundo eu vivera. Pedro sem mais forças para ajudar seu amigo, elevou novamente seu pensamento a DEUS e a JESUS, pedindo para que não os abandonassem naquele momento de suas vidas. Mas a vida de Pedro e de Peludo tinha chegado ao fim.
Entretanto após alguns minutos, Pedro não sentiu mais o frio que cortava sua pele e abria sua alma. Sentiu vontade de se levantar e tirar todo o gelo de cima de si e voltando se para traz viu aquele velhinho, sem cor, todo branco, junto ao seu cachorro também inerte, cobertos de neve. E se espantou, pois viu que se tratava de seu corpo físico sofrido pelo tempo, suas expectativas, lembranças, vitórias e derrotas. Viu como se fosse uma lembrança de um filme em sua mente de toda a história de sua vida... E tudo em vão, achava tudo perdido agora. E Pedro começou a chorar pelo triste fim que tivera... Mas naquele instante, sentindo um calor enorme a envolver-lhe, ouvindo o tilintar de sinos vários sinos.
Olhando para o alto avistou uma carruagem que chegava cheia de luzes e alguns cavalos diferentes, pois nunca havia visto estes animais. Quando se aproximou percebeu que não era uma carruagem qualquer e no instante que parou à sua frente, Pedro e seu cachorro Peludo que também pode aparecer em espírito viram que a realidade dos sonhos estava se realizando em sua frente. Não se conteve e continuou a chorar intensamente, agora pelo espetáculo que se descortinava no atendimento de suas prerrogativas.
Pelo seu pedido naquele dia a DEUS que queria ser o Papai Noel, estava descendo de sua carruagem belíssima toda dourada e cintilante, Papai Noel de Verdade!! As suas Renas domesticadas olhavam Pedro com muito amor como em compasso de espera, aguardavam seu dono dar-lhes novas ordens. Aquele velhinho vindo, ao seu encontro, abraçando a Pedro lhe falou:
Pedro Bonachão!
É o teu nome e vim te buscar a pedido do alto.
E seu nome não é em vão.
Você em sua vida cultivou os tesouros do céu.
Alegrou as crianças e pobres nas praças ao léu.
Não dispunha de nada e viveu como as aves do céu.
Jesus disse que devemos primeiramente buscar o Reino de Deus e sua justiça e que todas as outras coisas vos se acrescentarão.
Agora, meu filho, você recebeu esta incumbência de também levar aos pobres, juntamente com seu amigo Peludo, o calor espiritual que todos necessitam.
Em vida distribuía balas e divertia as crianças com suas histórias, agora levará consolo e abrigo espiritual aos necessitados e AMOR a toda a humanidade carente.

“Bendito sois vós meu filho por saber e aguardar estas verdades espirituais”.



E Pedro Bonachão, juntamente com seu cachorro Peludo que aparentava agora com uma luz dourada irradiando para todos os lados, subiu no trenó de Papai Noel, em sua carruagem de Luz, abraçando seu companheiro espiritual, muito emocionado agradecendo a sua acolhida com muito amor. Olhando mais uma vez para seu corpo e de seu cachorro que só viam um monte de gelo, agradeceu pela Dádiva da Vida e o sentimento mais puro e lindo que estava reservado para ele.
O céu naquele instante, para o povo da aldeia que poderia estar olhando, veria um espetáculo de grande natureza, como se fosse um cometa a dissipar e rasgar o céu com suas luzes multicoloridas em forma de caudas cintilantes até desaparecer no espaço infinito...


E assim termina a nossa história que se intitula: “Olhai as Aves do Céu”
Vamos neste Natal, agradecer por tudo que temos, que recebemos, pela família maravilhosa que possuímos, em ambos os lados e por tudo que somos. Vamos a partir de agora nesta vida que procuramos encontrar com nosso Papai Noel espiritual, amigo, protetor, anjo guardião, e oferecer-lhes nossos préstimos de solidariedade e amor universal.
Vamos buscar os bens espirituais para nossa evolução!
Sabendo que somos simples ovelhas no reino do Senhor e agradecemos por estarmos junto de vós, neste grande rebanho de DEUS.
Salve Jesus!!! Nós te amamos.
Esteja junto de nós até a eternidade em seu paraíso de Luz.
Salve Maria, nossa Mãe Santíssima!!!!
Que possa estar também junto de nós agora e sempre.
Que o Criador possa nesse instante irradiar a sua infindável energia de amor e d paz a todos que leram este conto de natal, para que possamos sentí-LO em nossos corações, que fazemos parte indivisível de sua obra de criação.
Somos todos irmãos, vamos agora vibrar intensamente para todos os nossos amigos, familiares, nossa cidade, nosso País, e toda humanidade.
Vibrar por todos e por nós também.
Que a Paz Esteja no Coração de Todos Nós.
Que assim seja!

Mário Caraça – mensagem inspirada na véspera do dia de Natal: 24/12/2009

sábado, 19 de dezembro de 2009

Feng Shui para o Ano 2010


Feng Shui Interior A bagunça é inimiga da prosperidade. Ninguém está livre da desorganização.
A bagunça forma-se sem que se perceba e nem sempre é visível.
A sala parece em ordem, a cozinha também, mas basta abrir os armários para ver que estão cheios de inutilidades.
De acordo com o Feng Shui Interior - uma corrente do Feng Shui que mistura aspectos psicológicos dos moradores com conceitos da tradicional técnica chinesa de harmonização de ambientes - bagunça provoca cansaço e imobilidade, faz as pessoas viverem no passado, engorda, confunde, deprime,tira o foco de coisas importantes, atrasa a vida e atrapalha relacionamentos.
Para evitar tudo isso fique atento às OITO REGRAS PARA DOMAR A BAGUNÇA:
1. Jogue fora o jornal de anteontem.
2. Somente coloque uma coisa nova em casa quando se livrar de uma velha.
3. Tenha latas de lixo espalhadas nos ambientes, use-as e limpe-asdiariamente.
4. Guarde coisas semelhantes juntas; arrume roupas no armário de acordo com a cor e fique só com as que utiliza mesmo.
5. Toda sexta-feira é dia de jogar papel fora.
6. Todo dia 30, por exemplo, faça limpeza geral e use caixas de papelão marcadas: lixo, consertos, reciclagem, em dúvida, presentes, doação. Após enchê-las, jogue tudo fora.
7. Organize devagar, comece por gavetas e armários e depois escolha um cômodo, faça tudo no seu ritmo e observe as mudanças acontecendo na sua vida.
8. Veja uma lista de atitudes pessoais capazes de esgotar as nossasenergias.
Conheça cada dessas ações para evitar a 'crise energética pessoal'.
1. Maus hábitos, falta de cuidado com o corpo - Descanso, boa alimentação,hábitos saudáveis, exercícios físicos e o lazer são sempre colocados em segundo plano. A rotina corrida e a competitividade fazem com que haja negligência em relação a aspectos básicos para a manutenção da saúde energética.
2. Pensamentos obsessivos - Pensar gasta energia, e todos nós sabemos disso. Ficar remoendo um problema cansa mais do que um dia inteiro de trabalho físico. Quem não tem domínio sobre seus pensamentos - mal comum ao homem ocidental, torna-se escravo da mente e acaba gastando a energia que poderia ser convertida em atitudes concretas, além de alimentar ainda mais os conflitos.Não basta estar atento ao volume de pensamentos, é preciso prestar atenção à qualidade deles. Pensamentos positivos, éticos e elevados podem recarregar as energias, enquanto o pessimismo consome energia e atrai mais negatividade para nossas vidas.
3. Sentimentos tóxicos - Choques emocionais e raiva intensa também esgotam as energias, assim como ressentimentos e mágoas nutridos durante anos seguidos. Não é à toa que muitas pessoas ficam estagnadas e não são prósperas. Isso acontece quando a energia que alimenta o prazer, o sucesso e a felicidade é gasta na manutenção de sentimentos negativos. Medo e culpatambém gastam energia, e a ansiedade descompassa a vida. Por outro lado, os sentimentos positivos, 'como a amizade, o amor, a confiança, o desprendimento, a solidariedade, a auto-estima, a alegria e o bom-humor recarregam as energia e dão força para empreender nossos projetos e superar os obstáculos.
4. Fugir do presente - As energias são colocadas onde a atenção é focada. O homem tem a tendência de achar que no passado as coisas eram mais fáceis:'bons tempos aqueles!', costumam dizer. Tanto os saudosistas, que se apegam às lembranças do passado, quanto àqueles que não conseguem esquecer os traumas, colocam suas energias no passado. Por outro lado, os sonhadores ou as pessoas que vivem esperando pelo futuro, depositando nele sua felicidade e realização, deixam pouca ou nenhuma energia no presente. E é apenas no presente que podemos construir nossas vidas.
5. Falta de perdão - Perdoar significa soltar ressentimentos, mágoas e culpas. Libertar o que aconteceu e olhar para frente. Quanto maisperdoamos,menos bagagem interior carregamos, gastando menos energia ao alimentar as feridas do passado. Mais do que uma regra religiosa, o perdão é uma atitude inteligente daquele que busca viver bem e quer seus caminhos livres,abertos para a felicidade. Quem não sabe perdoar os outros e si mesmo, fica 'energeticamente obeso', carregando fardos passados.
6. Mentira pessoal -Todos mentem ao longo da vida, mas para sustentar as mentiras muita energia é gasta. Somos educados para desempenhar papéis e não para sermos nós mesmos: a mocinha boazinha, o machão, a vítima, a mãe extremosa, o corajoso, o pai enérgico, o mártir e o intelectual. Quando somos nós mesmos, a vida flui e tudo acontece com pouquíssimo esforço.
7. Viver a vida do outro - Ninguém vive só e, por meio dos relacionamentos interpessoais, evoluímos e nos realizamos, mas é preciso ter noção de limites e saber amadurecer também nossa individualidade. Esse equilíbrio nos resguarda energeticamente e nos recarrega. Quem cuida da vida do outro,sofrendo seus problemas 'e interferindo mais do que é recomendável, acaba não tendo energia para construir sua própria vida. O único prêmio, nesse caso, é a frustração.
8. Bagunça e projetos inacabados - A bagunça afeta muito as pessoas,causando confusão mental e emocional. Um truque legal quando a vida anda confusa é arrumar a casa, os armários, gavetas, a bolsa e os documentos,além de fazer uma faxina no que está sujo. À medida que ordenamos e limpamos os objetos, também colocamos em ordem nossa mente e coração. Pode não resolver o problema, mas dá alívio. Não terminar as tarefas é outro 'escape' de energia. Todas as vezes que você vê, por exemplo, aquele trabalho que não concluiu, ele lhe 'diz' inconscientemente: 'você não meterminou! Você não me terminou!' Isso gasta uma energia tremenda. Ou você a termina ou livre-se dela e assuma que não vai concluir o trabalho. O importante é tomar uma atitude. O desenvolvimento do autoconhecimento, da disciplina e da determinação fará com que você não invista em projetos que não serão concluídos e que apenas consumirão seu tempo e energia.9. Afastamento da natureza - A natureza, nossa maior fonte de alimento energético, também nos limpa das energias estáticas e desarmoniosas. O homem moderno, que habita e trabalha em locais muitas vezes doentios e desequilibrados, vê-se privado dessa fonte maravilhosa de energia. A competitividade, o individualismo e o estresse das grandes cidades agravam esse quadro e favorecem o vampirismo energético, onde todos sugam e são sugados em suas energias vitais.Divulgue essas dicas para o maior número de pessoas possível e mentalize que, quando todos colocarem essas regras em prática, o mundo será mais justo e mais belo. Vamos tentar melhorar nossa energia pessoal. Atitudes erradas jogam energia pessoal no lixo.
*Posicionar os móveis de maneira correta, usar espelhos para proteger a entrada da casa, colocar sinos de vento para elevar a energia ou ter fontes d'água para acalmar o ambiente, são medidas que se tornarão ineficientes se quem vive neste espaço não cuidar da própria energia. Portanto, os efeitos positivos da aplicação do Feng Shui nos ambientes estão diretamente relacionados à contenção da perda de energia das pessoas que moram ou trabalham no local.
O ambiente faz a pessoa, e vice-versa.
A perda de energia pessoal pode ser manifestada de várias formas, tais como:

- a falha de memória (o famoso 'branco');
- o cansaço físico,
- o sono deixa se ser reparador;
- o ocorrência de doenças degenerativas e psicossomáticas,
- a prosperidade e a satisfação diminuem
- os talentos não se manifestam mais por falta de energia,
- o magnetismo pessoal desaparece,
- medo constante de que o outro o prejudique,
- aumentando a competição,
- o individualismo e a agressividade,

Reduzindo a proteção contra as energias negativas, aumentando o risco de sofrer 'vampirismo energético'. *

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Explorando a Quarta Dimensão


Explorando a Quarta Dimensão::
Quando alguém nasce num mundo tridimensional, sua consciência fica limitada pelos cinco sentidos, dando início à idéia da separatividade e do egoísmo. A percepção do universo como um processo aberto em quatro dimensões, permite a expansão da consciência para além da tridimensionalidade . Corresponde ao despertar consciencial no plano astral, nos fornecendo a compreensão de que todas as formas do universo constituem uma só comunidade, mostrando as possibilidades ilimitadas de cooperação entre os homens. Assim, os pequenos eus individuais passam a ver a vida em conjunto e se comprometem com ela.
O homem teme tanto perder este EU, QUE SE AGARRA A UMA NOÇÃO LIMITADA DE TEMPO E ESPAÇO PARA PRODUZIR UMA FALSA IMPRESSÃO DE CONTINUIDADE PSICOLÓGICA.
Quando o eu abandona sua couraça psicológica, consegue então olhar para seu potencial Divino, ingressando finalmente na onda vibratória da Nova Era, em que o ser humano encontra paz e felicidade.Vamos usar uma linguagem mais concreta para visualizar a possibilidade da existência da 4ª dimensão:
Desenhe uma linha reta e outra formando um ângulo de 90º.Você criou uma realidade plana, bidimensional, com comprimento e largura.
Na base de encontro das duas linhas, coloque sua caneta erguida com base na junção das duas linhas, e terá uma realidade tridimensional, com largura, comprimento e altura, como a que vivemos. Agora, para criar uma 4ª realidade ou dimensão, temos que criar uma linha reta perpendicular com todas as outras.
Parece um paradoxo, mas aponta, literalmente, para outra dimensão de nossa consciência.
Pensar na existência de um mundo de 4ª ou 5ª dimensão desafia nosso entendimento tridimensional, mas em síntese, seria aquela realidade que desponta quando se esgotam todas as possibilidades de alcance da 3ªdimensão.
Se olharmos a história, veremos que é exatamente assim que funciona. Quando, no final do século 19, a ciência descobriu outros estados mais sutis que os clássicos: o gasoso, o sólido e o líquido. Foi o caso da descoberta da Radioatividade, da física quântica e da teoria do Big-Bang, a grande explosão cósmica que atraiu o universo para um mundo tridimensional.
A realidade da 4ª dimensão entra no aspecto espiritualista, quando se trata da existência de um plano mais sutil da realidade, correspondendo ao astral dos espiritualistas, ao akasha dos hindus (que é o registro cósmico de todo acontecimento dentro do universo), e ao fogo Divino dos persas.
Cientificamente, foi chamado de campo mórfico por Rupert Sheldrake, o que vai de encontro à teoria de Albert Einstein, que diz que a 4ª dimensão é o tempo, bem como a todas as teorias de cunho espiritualista citadas acima. Em todos os casos, a existência sutil é registrada no espaço quadridimensional, incluindo o passado, presente e futuro potencial, de tudo e todos contidos no universo. A 4ª dimensão contém todas as modificações que ocorrem no espaço, ao longo do tempo. O nosso hemisfério direito do cérebro, é capaz de captar o sentido do conteúdo da 4ª dimensão, onde o eterno é aqui e agora, e é uma função do universo quadridimensional.
Estamos imersos nele o tempo todo, como afirmava Einstein ao dizer que tempo e espaço são inseparáveis.O maior desafio do homem, principalmente neste momento de transição, é justamente tentar captar algo deste infinito universo da 4ª dimensão, trazendo-o para o estreito mundo tridimensional.Antes de nascermos, pertencíamos à 4ª dimensão, pra onde voltamos pós-morte do corpo físico.
No mesmo momento, no universo potencial da 4ª dimensão, estão presentes a criança que já fomos e o velho que seremos, embora estas partes de nós não sejam imutáveis. Cada dimensão do universo, inclui as outras dimensões anteriores, mais densas, como no exemplo que demos de realidade bi, tri ou quadridimensionais a partir do desenho de retas.Agora vocês poderiam perguntar:Existe algum indício experimental da existência de dimensões sutis?Sim. Uma comprovação mais concreta para nós da existência da 4ª e 5ª dimensões no espaço, é o fato de sentirmos nossas próprias emoções e pensamentos como realidades espaciais.
Vocês que buscam aprendizados novos com fim de evoluir, na verdade buscam algo que vai além do concreto tridimensional em que vivemos. A fé é outro forte indício disto: nunca vimos Deus, mas sabemos que Ele existe e nos guia de certa forma.Podem não ter visto naves ou ETs, mas de alguma forma sabem que o universo segue uma lógica (que poderia ser a própria definição técnica de Deus), e seria um absurdo só ter vida, inteligente ou não, apenas aqui neste planeta.Portanto, a consciência humana é um espaço vazio que habita em algum lugar além dos cinco sentidos que conhecemos, por onde transitam emoções e idéias, num espaço interior, que comporta vários níveis.
A 4ª dimensão corresponde ao plano astral.( plasma)
Os subníveis inferiores, mais densos que a 4ª dimensão, podem ser conferidos como sendo por exemplo: os raios X, a eletricidade, a radiação atômica, que dissolvem as fronteiras rígidas do mundo de três dimensões.Na 4ª dimensão também estão o mundo magnético e emocional, que também rompem as fronteiras rígidas do mundo tridimensional. É nela que está contida a lei de atração e repulsão.Já a 5ª dimensão é o mundo em que atuam as idéias abstratas, os arquétipos puros da Mente divina, que as filosofias platônicas e pitagóricas, chamavam de números e idéias.A 6ª dimensão, corresponde ao mundo da intuição pura.A 7ª aponta uma Realidade Suprema:
A Átma, sobre a qual nossa capacidade humana não chega a alcançar e perceber, pois seria A propria Fonte que inspira e expira, criando neste movimento as formas universais.As dimensões estão ligadas aos estados da matéria, que correspondem não só a sete dimensões do tempo, como a sete níveis de consciência humana, ou pós-humana. Além disto existe apenas o Espaço Abstrato Absoluto, de onde surgem os universos.
Quanto maior a dimensão, mais sutil a matéria. O homem não consegue captar a velocidade da luz, nem alguns sons, pois tudo no universo está separado por escalas vibracionais. Na 3ª dimensão, esta diferença não está bem definida, posto que alguns animais captam certas vibrações que outros não captam.É na 4ª dimensão que atua o “Fohat”, ou a Luz Primordial da doutrina esotérica, que é a energia que faz ponte entre o espírito e a matéria, obedecendo à Lei Universal.Talvez uma forma de expressar mais concretamente a 4ª dimensão, seja imaginando a totalidade do tempo universal e do espaço cósmico que estão totalmente entrelaçados, formando uma 4ª dimensão, que permeia cada instante e lugar do mundo tridimensional.
Ao contrário do que se acredita, o mundo não existe apenas no presente, mas inclui todas as partes e todos os tempos, sendo que nós só conseguimos ver um instante deste tempo, na 3ª dimensão. Nossa vida interior se dá nas dimensões sutis, enquanto que a vida externa vai se esgotando um instante após o outro. Se seguirmos nesta linha, seriamos aptos a provar a existência da alma e de sua eternidade.O tempo revelará o velho que está presente no bebê, a árvore na semente. A maioria quer negar o que não pode ver, mas é impossível, ilógico. Quando escutamos uma melodia, ela já está no astral, completa, mas vai se desenrolando lentamente aos nossos ouvidos, que não podem absorver “o todo”.Em a “ Doutrina secreta”, de Helena Blavatsky, ela cita o diálogo místico entre um discípulo e seu mestre: “O que é que existe sempre?O espaço, o eterno “anupãdaka”(em sânscrito, aquele que não tem origem).
O que é que sempre existiu?O germe na raiz.O que é que está sempre indo e vindo?A Grande Respiração Universal.Então estes três são eternos?Não, os três são Um, o que sempre “É” é Um, o que sempre “Foi” é Um e o que “Está sempre em transformação”, “É” Um... e este Um é o espaço”.Está registrado há milênios no registro akáshico, na 4ª dimensão, que a Terra reencontrará a felicidade, mas que este processo passará por muito sofrimento humano, até que o número de resgatáveis e seres de mundos mais sutis que estão nascendo aqui, seja suficiente e o carma coletivo, registrado no astral, esteja “quitado”.A partir deste “instante cósmico”, a dor será rapidamente transmutada em sabedoria.Quando nossa humanidade conseguir, realmente, incorporar o conceito de que TODOS SOMOS UM, daremos um salto quântico em nossa evolução.
Muita Luz!

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

O Homem do Futuro

O Homem do futuro continuará a depender da seleção natural e da genética.

12 Dezembro 2009 - 00h30

Genética: Humanos também estão sujeitos à seleção natural.

Homem será mais baixo

Evidências recentes sugerem que a Humanidade continua em acelerada evolução.

Após um século de uma alimentação rica em proteínas e gorduras que ajudaram o Homem a obter uma estatura alta, vamos enfrentar um futuro com, ao que tudo indica, uma altura mais baixa e com uma silhueta menos elegante... embora com menos colesterol e tensão arterial mais baixa.

A espécie humana é como qualquer outra espécie animal e está sujeita às mesmas condicionantes biológicas determinadas pela selecção natural e pela genética. A Medicina e tecnologia modernas não nos isentam destas condicionantes.
Alguns cientistas desafiam esta ideia, afirmando que continua a ser difícil saber se certos genes favorecem a adaptação. Ainda assim, se a evolução humana está realmente em aceleração a pergunta é: porquê? Dieta e doenças podem ser alguns dos factores que pressionam essa mudança.

A verdade é que os humanos estão a evoluir muito rapidamente à escala de centenas de anos ou milénios, e estas mudanças foram diferentes em cada continente.

IMPORTÂNCIA DO LEITE

Entre os genes que mostram claros sinais de evolução recente estão os relacionados com a digestão do leite. Embora todos os mamíferos bebam leite na infância, os humanos parecem ser os únicos que conseguiram fazê-lo ao longo de toda a sua vida. Esta tolerância à lactose apareceu apenas há oito mil anos.

Os genes responsáveis pela pigmentação da pele mostram também sinais de evolução rápida e reflectem o facto de os seres humanos terem colonizado latitudes onde há menos irradiação solar.

Uma curiosidade são os olhos azuis, determinados pelo gene OCA2. Há 400 gerações não havia humanos com olhos azuis.

Num futuro mais ou menos distante, o processo evolucionista estará paralisado na espécie humana: a tecnologia impor-se-á cada vez mais como soberana no mundo biológico.

SAIBA MAIS

CÉREBRO GRANDE

Os cérebros grandes dos seres humanos são uma vantagemextraordiná ria no Mundo. Ajudaram o ser humano a interagirmelhor dentro do grupo e a construir ferramentas melhores.

50 000
A Humanidade actual surgiu em África há 50 mil anos e espalhou-se rapidamente pelos cantos do Mundo, colonizando todos os continentes.

24 000
A espécie actual (Homo Sapiens) não estava sozinha no Planetahá 24 mil anos: os neandertais (Homo Neanderthalensis) ainda estavam vivos.

POSTURA ERECTA
Os bípedes utilizam menos energia para se movimentare os braços livres possibilitam o transporte de uma maior quantidade de alimentos.

CAMINHAMOS PARA A FUSÃO HOMEM-MÁQUINA
Em menos de cinquenta anos as máquinas superarão a Humanidade em inteligência, mudando o conceito de ser humano. Na realidade, os cientistas prevêem avanços em tecnologias de computação e pesquisa biológica nas próximas quatro décadas, culminando na fusão de inteligência biológica e não-biológica.

Mas enquanto tal não acontece, engenheiros do instituto de microelectrônica IMEC, da Bélgica, criaram um microchip formado por uma série de pilares nanométricos que permite a ligação directa entre células vivas e dispositivos electrónicos.

Mário Gilhttp://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=E6D62932-FC34-4D57-99D2-3A8B582CB97E&channelid=00000219-0000-0000-0000-000000000219

Nuno Alves

http://ufoportugal.blogspot.com/

http://br.mc343.mail.yahoo.com/mc/compose?to=UFO_PORTUGAL-subscribe@yahoogrupos.com.br

Grupo de estudos e Investigação Ovni

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Explosões Solares Existem e a Nasa tenta decifrá-las


A informação fornecida pela sonda STEREO, a Nasa confirmou a existência das ondas gigantes surpreendente no Sol, que são conhecidos como "tsunami solar".

24 de novembro de 2009: Às vezes, realmente poder acreditar no que seus olhos vêem. É exatamente isso que a espaçonave STEREO (Observatório Solar e Terrestre de Relações, em idioma espanhol), a NASA está dizendo para os investigadores sobre um fenômeno controverso no sol, que é conhecido como "tsunami solar.

Anos atrás, quando os físicos solares observaram uma primeira onda saliente ou onda de plasma quente que propagadas através da superfície do Sol, duvidava de seus sentidos. A escala da onda foi incrível. Levantou-se, tanto quanto a própria Terra, a partir de um ponto central e de lá espalhou-se em padrões circulares de milhões de quilômetros de circunferência. Observadores céticos sugeriram que o fenômeno poderia ser uma espécie de sombra (um truque do olho), mas certamente não é uma onda real.

"Agora nós sabemos", diz Joe Gurman, Laboratório de Física Solar no Goddard Space Flight Center. "Os tsunamis solares são reais."
As sondas gêmeas STEREO confirmaram a sua existência, quando a mancha solar 11.012 em fevereiro de 2009 irrompeu inesperadamente.
A explosão liberou uma nuvem de gás de um bilhão de toneladas (uma ejeção de massa coronal ou CME, em Inglês) no espaço e provocou um tsunami que se propagou através da supefície do Sol. STEREO registrou a onda gravada em duas posições diferentes separados por um ângulo de 90 graus, de modo a permitir aos investigadores uma perspectiva que é inédito evento:

Acima: Um tsunami solar registada pela sonda STEREO de pontos de observação situados ortogonalmente. O contraste da cor cinza da animação foi reforçada pela eliminação sucessiva de pares de imagem. O produto resultante é um clip de vídeo que destaca as diferenças. " [Expandindo o clip de vídeo] [Mais]
"Foi definitivamente uma onda", diz Spiros Patsourakos, George Mason University e autor do trabalho relata a descoberta na revista Astrophysical Journal Letters. "Não é uma onda de água", acrescenta ele, "mas uma enorme onda de plasma quente e magnetismo.

O nome técnico é "modo rápido MHD onda" (ou "ondas MHD, para abreviar). A onda observada a sonda STEREO levantou cerca de 100.000 km e propagação radial de 250 km / s (560.000 mph). Esta onda contém energia equivalente a 2400 megatons de TNT (1021 joules ou 1029 ergs).

O Observatório Solar e Heliosférico (Soho, em Inglês) encontrado tsunami solar, em 1997. Em maio daquele ano, a EMC foi uma explosão que veio de uma área ativa da superfície do Sol e da nave espacial SOHO gravou o tsunami se espalhando do epicentro da explosão.
"Nós fomos perguntar a nós mesmos", diz Gurman, "era uma onda, ou apenas a sombra da CME que estava por cima?"

O ponto de vista único que tem a sonda SOHO não foi suficiente para responder a essa pergunta (ou para essa primeira onda e para muitos eventos semelhantes que aconteceram e foram registrados pela sonda SOHO).

A questão permaneceu aberta até depois do lançamento da nave espacial STEREO em 2006. Na época da erupção de Fevereiro de 2009, STEREO-B situa-se no local da explosão, enquanto que STEREO-A foi localizado exatamente em 90 graus a partir STEREO-B ( "uma simetria perfeita para desvendar o mistério" diz o co-autor Angelos Vourla, Naval Research Laboratory, em Washington, DC. (Ver Diagrama)

A realidade física das ondas foi confirmado por clips de vídeo, onde o ondas batem contra coisas diferentes. "Vimos como as ondas são refletidas devido aos buracos coronais (buracos magnéticos na atmosfera solar)", disse Vourla. "E há um vídeo maravilhoso que mostra como uma proeminência solar oscila após ser atingido por uma onda. Chamamos-lhe proeminência dança". "
Direita: A dançarina proeminência (indicado por um círculo). Observe como cima e para baixo depois de ser atingida por um tsunami quase invisível, mas poderosa solar: Gif animation 4MB, Videoclip Quicktime 54MB.

Tsunamis solares não são uma ameaça directa para a Terra. No entanto, seu estudo é importante. "Podemos usá-los para diagnosticar as condições no Sol", diz Gurman. "Ao observar como ocorre a propagação e reflexão de ondas no domingo, podemos obter informações sobre a baixa atmosfera solar, não temos nenhuma informação disponível em qualquer outra maneira."
"O tsunami solar também pode melhorar as nossas previsões do clima espacial", acrescenta Vourla. "Como se eles estavam a gravar um alvo, marca o ponto onde causa uma explosão. A localização dos pontos de ignição podem nos ajudar a prever quando uma CME ou um smash tempestade de radiação para a Terra."

E, além disso, eles são bastante divertidos. "Os clips de vídeo", diz o pesquisador, "são de outro mundo".

Vaticano quer Evangelizar UFOs

Vaticano quer evangelizar UFOs

AE/Notícias Cristãs
23 nov 2009


O interesse do Vaticano pela Ufologia e a vida extraterrestre começou a chamar a atenção a partir do dia 18 janeiro de 1997, quando a revista oficial da Conferência dos Bispos da Itália publicou uma entrevista com o padre Piero Coda, um dos mais importantes teólogos do Vaticano. Na entrevista, padre Coda afirmou que "criados por Deus e tendo suas falhas, eles (os extraterrestres) precisam de redenção através das palavras salvadoras de Jesus Cristo". Respondendo as perguntas do repórter da revista, padre Coda afirmou que se existirem seres inteligentes e livres em outros lugares do universo, a solidariedade religiosa exigirá que a eles também seja oferecido o caminho da salvação.
E que: "Pode até haver algum enriquecimento, exatamente como aconteceu no passado, quando a cultura européia entrou em contato com mundos que tinham sido absolutamente desconhecidos até então". Meses antes da entrevista do padre Coda, outros teólogos do Vaticano tinham declarado ao respeitado jornal Corriere Della Serra que os extraterrestres também devem ser considerados "filhos de Deus". Em outubro do ano passado, ao divulgar a mais recente edição do Dicionário do Vaticano, a Santa Sé admitiu ter incluído a expressão "objeto voador não identificado" que, no dicionário, é chamada, em latim, de res inexplicata volans [coisa voadora inexplicada].

Ainda em outubro do ano passado, em sua edição do dia 14, o influente jornal inglês The Sunday Times informou que o Vaticano começará a construir um dos maiores observatórios astronômicos do planeta, no deserto do Arizona, Estados Unidos. Vai ser um dos mais bem equipados observatórios conhecidos e contribuirá na busca de outros planetas com condições de sustentar a vida. Terá dois possantes telescópios, capazes de identificar gases e poeira cósmica em torno de estrelas e sistemas planetários com condições propícias para o aparecimento e evolução da vida, ao menos, dentro dos parâmetros conhecidos.

Digitais – "Procurem as digitais de Deus", disse o Papa João Paulo II, aos 20 padres-astrônomos que estarão trabalhando no projeto e a toda a equipe que o está desenvolvendo. Aparentemente complementando as declarações do Papa, o diretor do observatório, frei George Coyne, comentou no dia seguinte que "acreditamos que a Igreja tem de se juntar a esse esforço científico, a graça trazida pela encarnação de Cristo estende-se a todos os campos da atividade humana". "Mas o projeto do novo observatório traz consigo alguns riscos teológicos" e um dos maiores deles seria a descoberta de formas de vida extraterrestres, principalmente se dotadas de inteligência.

A Igreja enfrentaria a delicada questão de definir se a crucificação de Jesus, a que a crença católica atribui um sentido de redenção dos pecados de toda a humanidade, redimiu também seres de outros planetas. Uma maneira de contornar o problema seria converter os extraterrestres - uma idéia que já é considerada pelos astrônomos do papa, como foi feito com outras civilizações ao longo de toda a história humana.

Fonte: Notícias Cristãs, link: http://news.noticiascristas.com/2009/11/vaticano-quer-evangelizar-ufos.html

Grande abraço;

Paulo R. Poian.CBPDV * http://www.cbpdv.com.br/ *Equipe UFO * http://www.ufo.com.br/expedienteUfo.php *Revista UFO Online * http://br.groups.yahoo.com/group/Revista_UFO/ *Revista UFO Brasil * http://www.ufo.com.br/ *


Misteriosa Luz azul em espiral aparece no Céu

Uma luz azul turquesa em espiral manchou a Noruega tem suscitado um mistério, com sugestões de que poderia ser um teste de mísseis.


Publicado em: 3:48 PM GMT 09 de dezembro de 2009

Meteorologistas, astrônomos e as Forças Armadas têm sido incapazes de explicar as luzes Foto: REX

O Instituto Norueguês de metrologia tem recebido centenas de telefonemas de observadores confuso, mas até agora não foi capaz de identificar a sua origem.


Alguns especialistas especulam que o fenômeno pode ter sido causada pelo lançamento de um foguete russo. No entanto, a embaixada russa insiste que tais alegações são completamente infundadas.

Nem os meteorologistas, os astrônomos, ou as Forças Armadas têm oferecido uma solução para a questão.

A luz foi captada por um fotógrafo amador Jan Petter Jorgensen, enquanto ele estava em sua maneira de trabalhar em uma fábrica de salmão.

"A luz apareceu por 2-3 minutos. Eu não podia acreditar nos meus olhos, e tenho os arrepios e foi bastante abalada por ela", o senhor disse Jorgensen.

Morten Kristiansen, que viu a luz de fenômenos Sortland no norte da Noruega, acrescentou: "Um grande anel apareceu, e, em seguida, espalhar-se, enviando um feixe verde para a terra", diz
Assista a um vídeo do incidente bizarro abaixo.

http://www.youtube.com/watch?v=1hrWjkn_DHs

Nota: E ainda eles não acreditam em que somos visitados há eons de tempos!

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

A Consciência que Liberta - 2ª Parte

A Consciência Que Liberta- 2ª Parte

“Conheceis a Verdade e a Verdade vos libertará”: Jesus Cristo - (Segunda Parte)

De Ricardo Queiroz Alexandre – em Dezembro de 2009 ricardoqa@yahoo.com

É através de nós que a Consciência se manifesta no planeta Terra. E não pode ser através de migalhas conscienciais, devemos trabalhar para trazer 100% de consciência para o mundo porque assim seremos totalmente direcionados por esta. Nossas atitudes, palavras, pensamentos, absolutamente tudo será envolvido por esta energia de altíssima freqüência que trará total sucesso para os nossos objetivos.
Quem somos de verdade aparecerá! Somos seres divinos! Não adianta querer ser alguém. Este querer não cria manifestação no mundo físico, porque isso também é ego.
Devemos nos tornar este alguém. Primeiro deve ser conosco. Não devemos cobrar nada de ninguém, muito pelo contrário, devemos respeitar os outros, aceitar.
Devemos ser a consciência que queremos ver no mundo... A partir daí tudo que queremos irá se manifestar impressionantemente porque seremos guiados por “Deus”.
Se quisermos muito, devemos ser muito. Tudo começa com o primeiro passo. Mais do que pensamos está em nossas mãos.
Pode parecer até mesmo contraditório, mas até aqueles nossos desejos digamos tridimensionais começam a se materializar na nossa frente após este processo porque estaremos impregnados de poder e força criativa que vem direto da consciência e assim, potencializaremos absolutamente tudo ao nosso redor.
Tudo passa a acontecer em nossa vida de forma bem fácil, leve, harmônica, como deveria ser desde sempre.
Ficamos totalmente envolvidos por um campo de energia de alta freqüência vibracional.
Alguns devem conhecer a história bíblica do Rei Salomão. Este foi o Rei mais sábio e próspero que já existiu.
Salomão teve que assumir o trono ainda jovem e por isso implorou a Deus sabedoria para governar seu povo. Diante de tão nobre pedido, “Deus” deu a Salomão não somente a sabedoria, mas também fortuna, domínios, prosperidade e felicidade para si e suas gerações futuras, porque achou muito louvável um pedido, que não foi de poder, vencer os inimigos, riquezas - algo que todos priorizavam. Em troca “Deus” pediu a Salomão apenas fidelidade, que adorasse um único Deus, o Deus de Israel.
Salomão teve uma vida farta e feliz, mas no fim de sua vida, segundo a Bíblia, ele começou adorar os deuses de suas mulheres. Neste momento ele descumpriu com a sua promessa a “Deus” e a partir daí as suas gerações futuras não mais teriam acesso a sabedoria Universal.
Trazendo para o conhecimento de hoje, percebemos que Salomão teve na realidade uma verdadeira conexão com o seu Eu interior, seu verdadeiro Deus e este acesso foi tão grande que liberou toda sabedoria, que já lhe era inata.
Uma sabedoria quase que ilimitada, governando tudo ao redor de forma sagrada.
No fim da vida, podemos perceber que a “adoração aos outros deuses” é na realidade o retorno para o estado da mente egóica.
Salomão caiu novamente nas armadilhas da mente, das ilusões e por isso perdeu a conexão com o seu Ser Superior. Perdeu o seu Poder Real. Consequentemente os frutos das suas ações não foram mais os mesmos, porque a energia começou a se dissipar. É isso que acontece quando nos perdemos.
Orai e vigiai ...
Tudo no Universo é perfeito!
Por que tentamos tanto mudar a ordem das coisas?
Por que nos opomos tanto àquilo que “É“?
Por que não aceitamos, perdoamos e vivemos em Estado de Graça?
As últimas palavras de Jesus Cristo na cruz foram: “Pai, perdoai-os, eles não sabem o que fazem”.
Esta frase denota perdão. Se não sabemos o que fazemos é porque estamos inconscientes e, por isso, não há culpa. Os nobres e verdadeiros sábios não culpam ninguém.
Por que nós, reles mortais vamos continuar culpando o mundo?
Por que não acordamos definitivamente e percebemos que é necessário fazer diferente? Quanto mais tempo vamos precisar ainda para sofrer? Quanto mais tempo vamos continuar nos escondendo da verdade? Quanto mais tempo vamos continuar “vivendo” sem liberdade?
Até quando?...
Na compreensão do outro reside um grande salto quântico.
Um dos grandes desafios da nossa existência é a figura do outro na nossa vida. Queremos ter sempre “razão”. A nossa mente doente e deturpada está sempre a ditar as regras e colocar tudo que está ao nosso redor dentro de um sistema que foi criado por ela (ou nós mesmos).
Digo que este é um desafio, mas na verdade é um grande entrave para a nossa Consciência. Cada ser humano é uma partícula divina, um pedaço da fonte primeva que gerou todo o universo e nesta ordem está munido de toda potencialidade universal.
Se todos fomos gerados de uma mesma fonte, temos as mesmas oportunidades de evolução, em diferentes patamares. Quem analisa estes patamares é a mente. A Consciência simplesmente conhece e ponto final.
Tendemos a querer mudar o outro, mudar o mundo, alterar tudo ao nosso redor em nome de uma suposta felicidade, que acreditamos que virá desta mudança. Acontece que a felicidade não reside numa mudança exterior. A felicidade é inerente ao Ser. A felicidade real é também uma conquista humana, que virá como conseqüência de um trabalho efetivo de fortalecimento do local onde ela está: na nossa Essência.
Quando tentamos mudar o outro estamos mais uma vez a permitir que a nossa mente/ego comande a nossa vida. Deixamos mais uma vez a Consciência adormecida. Perdemos a oportunidade de unir a nossa Consciência e de realmente iniciar um processo de compreensão de nós mesmos e da evolução dos outros indivíduos ao nosso redor.
Perdemos a oportunidade de nos unir a fonte, de estar no agora, no presente, no local onde temos todas as respostas, no local de onde vêm as nossas mais nobres vibrações – “o local” onde nos recarregamos, “o local” que potencializa o nosso campo energético criando o impulso para mais um nível de Consciência. O local de maior poder.
Quando nos permitimos, trazemos leveza para nossa vida, permanecemos no agora e neste local acontece uma mudança real na Consciência.
Se todos somos partículas de uma mesma Essência, devemos convir que a mudança de um, ela será a mudança de todos. Geralmente não enxergamos isso e novamente tentamos mudar o outro porque mais uma vez analisamos com a mente. A consciência simplesmente sabe.
A mente é racional cartesiana e está longe de “compreender os desígnios de Deus”. A mente deve ser a nossa servidora. A mente teme o presente, teme o agora porque neste momento ela simplesmente não existe.
A descoberta da força que retiramos destes momentos de presença é que criará a oportunidade de um novo re-Ligar. Com a nossa freqüência presente nós estaremos cada vez mais, assumindo a nossa Consciência - o nosso verdadeiro Eu ou a nossa Essência. Teremos o poder de mudar o mundo, porque estamos todos interligados. Somos o Mundo. O esforço de um refletirá em todos ao seu redor. A mente ainda continua a querer enxergar tudo focando nos resultados, no que vem depois e para a Consciência o depois não existe. Apenas o agora existe e é lá onde encontro todas as respostas.
É lá que liberto o meu Ser.
Um Ser que “Sabe”, um Ser que “É”.
É o nosso objetivo final.
O que já é “Meu” não precisa ser pedido. O que já é “Meu” precisa ser resgatado
A fim de possibilitar um maior entendimento do que se segue, explico de antemão que quando digo “Meu” (em maiúscula), estou me referindo ao Eu Interior/Essência/Consciência.
Pois bem, desde que iniciamos o nosso processo de interações físicas – contatos – com os Seres de dimensões superiores, percebo a grande expectativa/ansiedade que é gerada em torno das ativações, resgate da memória cósmica e habilidades.
Esta expectativa é da mente. A mente quer sempre mais, a mente quer resultados, ela tem metas precisas e faz um mapeamento total de tudo que “deve” acontecer.
A mente quer tudo imediatamente. A mente não aceita a espera.
Considerando que o processo de contato com outras dimensões/realidades é regido por Leis especiais, Leis Universais, não há espaço para criações mentais.
Ainda não compreendemos muito do que está acontecendo.
A mente é teimosa, corajosa e inteligente. E não é que a mente quer também controlar os nossos contatos?
A mente se vê no direito de exigir algo, que ela não tem a mínima condição de lidar porque ela não conhece.
A mente quer muito poder. A mente não sabe nem o que fará com este poder.
Acontece que é a Consciência que rege o processo de contato com outras dimensões, porque faz parte do nosso ciclo evolutivo, da nossa Essência. É algo verdadeiro e a mente não conhece a Verdade. Se conhecesse a verdade não seria mente, seria Consciência.
É por este motivo que muito do que é pedido aos Seres é negado, postergado ou então é nos falado em porcentagens de algo que nos será dado. Mas, na realidade este algo já faz parte de nós, estava apenas aguardando para ser resgatado. Esperando o momento em que estamos prontos.
Saber reconhecer o momento em que se está pronto é algo muito sutil. Não é tarefa da mente. Podemos exemplificar isso, contando a história de um milionário com uma grande biblioteca onde existe o livro da vida – o Livro da Sabedoria – se não houver merecimento, se não houver sintonia, freqüência, ele pode ler esse livro e não entender absolutamente nada. Situação análoga acontece nos contatos.
Neste contexto acredito que aquele que atingir uma vibração/freqüência compatível com estes Seres, será totalmente envolvido pela energia das dimensões superiores que estes trazem – portanto, atingirá também um nível de contato muito próximo porque será capaz de se unir a um pedaço superior de si mesmo, que já reside em outras dimensões. Ele será realmente ativado.
Para isso é necessário Consciência. É neste nível de interação que estes Seres querem conosco.
Quando estes Seres vêm nos visitar e se despedem com a palavra “vibração”, resumem o seu recado nesta única palavra que no fundo quer dizer, que devemos alcançar um padrão compatível para interagir com eles. Mostram que já temos provas, que o contato é real, físico, mas que depende de nós alcançarmos patamares superiores.
Conquiste a “vibração”. Venha até mim. Depende de você!
Diante de tudo isso, chegamos novamente à Consciência, à Luz ou à Energia Fonte que tudo criou – intercalando-nos conscientes para esta Fusão, que nos leva novamente ao estado de seres especiais.
Não iremos receber nenhum baú encantado com habilidades, memória cósmica, imortalidade. Tudo isso faz parte de um grande processo de conquista. É de um grande processo de ações direcionadas, que vão desencadear outros processos de crescimento, evolução, vibração acelerada, sutilização da energia e, enfim... um processo de integração com a Fonte Una que nos criou.
Este processo é diário, único e pessoal. Cabe a nós vivenciar o agora em todos os momentos a fim de cada vez mais integrarmos ao cosmos.
A Consciência tudo sabe. Precisamos calar a mente. A mente interfere nos contatos. A mente não trás resultados efetivos nos contatos. É a Consciência que nos trás os contatos. Se eu estou vibrando em freqüências elevadas, é normal que eu crie sintonia com vibrações mais elevadas. É normal que Seres na mesma sintonia venham até a mim. É normal receber um convite.
Quanto mais vibrarmos em freqüências elevadas, mais “convites” receberemos, mais vibração ativa inundará o nosso campo energético em virtude da interação com estes Seres. Mais nós cresceremos, mais seremos.
Mas, até quando os Seres terão que vir a nós? Quando iremos até eles?
Este ir é um processo de re-descoberta, na medida em que nós vamos re-descobrindo. Na medida que vamos automaticamente resgatando o que ficou para trás, o que ficou em outras jornadas e que nos pertence - o que já é nosso, porque sempre foi e sempre será.
Haverá logicamente muita coisa nova que foge totalmente à nossa compreensão e mais uma vez cabe a nós trazer a Luz da Consciência e compreender.
É por isso que o Milagre somos nós que fazemos. É por isso que os Seres não nos fornecem algo que de acordo com as Leis Universais somos nós que devemos conquistar. É uma grande conquista – envolve merecimento e coragem.
O grande Mestre Jesus dizia para seus apóstolos: “eu sou a verdade e a vida”, ou seja, ele era a própria manifestação da Consciência. Ele foi um Mestre que viveu no hoje, no agora, que se manteve no presente, que esteve em total sintonia com a sua Essência e por isso manifestou tanta sabedoria.
Ele soube Ser simplesmente. Ele não pediu para ser algo. Ele tornou-se algo. É isso que precisamos enxergar: O que já é meu não precisa ser pedido, o que já é meu precisa ser resgatado.
Conquiste!
Muitas coisas foram ditas por metáforas pelo Mestre Jesus porque quem realmente sabe não precisa provar. Quem realmente sabe é pura Consciência manifesta.
Os Seres também são simples, diretos, lacônicos. Trazem a mensagem e se vão. Lançam a semente na Consciência. O cultivo cabe a cada um de nós.
Quem quer provar é a mente. Quem quer impor é a mente.
Ainda queremos o título de Iluminados. Qual de nós está efetivamente fazendo a Luz interior brilhar? A Centelha Divina que já é parte de nós – o que estamos fazendo com ela?
Não há como impor nada aos Seres. É preciso conquistar e quem sabe realmente o que é esta Conquista é a Consciência.
A sintonia que criamos com a Consciência é que vai nos dizer se estamos prontos ou não. Prontos para receber o que já é nosso, prontos para receber algo que grita dentro de nós, prontos para o resgate, prontos para mais um passo na escada evolutiva.
É por isso que não preciso pedir o que já tenho. Basta apenas estar pronto. Basta apenas Ser. Esta é uma Lei Universal. E se o Universo é perfeito, esta é uma Verdade.
Pelo menos é a Verdade que consigo alcançar neste momento. A Verdade que encontrei no agora. Mas, sei que ainda tem muito mais!... Que devo dar “um passo” a cada dia!...